Qualidade de mangas 'Tommy Atkins' armazenadas sob atmosfera modificada

Resumo

The objective of this experiment was to evaluate the post harvest quality of 'Tommy Atkins' mangoes during refrigerated storage, using different types of packing. The modified atmosphere corresponded to the following treatments: fruits conditioned individually in plastic trays, covered with plastic film of polivinil chloride (PVC) of 14 µm, without and with sachet of potassium permanganate (10 g); fruits conditioned individually in low density simple wall polyethylene bag of 25 µm made with and without potassium permanganate; conditioned fruits, in groups of 5, in carton boxes with cover, covered internally or not with low density polyethylene made with and without potassium permanganate. The fruits were stored under at 13 ± 1°C, 85-90% RH for 20 days and then transferred to 24,4 °C, 70% RH storage room. The evaluated variables were: loss of fresh mass, appearance, firmness of the pulp, soluble solids, titratable acidity and ascorbic acid. It was verified that the best treatment of modified atmosphere was individual packaging of the mango fruits in plastic trays, covered with plastic film of polivinil chloride (PVC) of 14 µm. The potassium permanganate, in the form used in this study (sachet and impregnated in plastic film), did not affect the conservation of the fruits. Objetivou-se com este trabalho avaliar a qualidade pós-colheita de mangas 'Tommy Atkins', durante o armazenamento refrigerado, utilizando diferentes tipos de embalagens. Os tratamentos foram: frutos acondicionados individualmente em bandejas de acetato transparente, revestidas com filme plástico de cloreto de polivinila (PVC esticável) de 14 µm, sem e com sachê de permanganato de potássio, preparado utilizando-se vermiculita como substrato, impregnada com KmnO4 (10 g / 500 g de fruto); frutos acondicionados individualmente em sacos plásticos de polietileno de baixa densidade 25 µm de parede simples (PE) confeccionado ou não com permanganato de potássio e frutos acondicionados, em grupos de 5, em caixas de papelão com tampa, revestidas internamente ou não, com filme plástico confeccionado com permanganato de potássio. Os frutos foram armazenados a 13 ± 1°C, 85-90% UR por 20 dias e então transferidos para as condições de ambiente de 24,4 °C, 70% UR. Foram avaliadas a perda de massa fresca, aparência, firmeza da polpa, teor de sólidos solúveis, acidez titulável e ácido ascórbico. Verificou-se que o melhor tratamento de atmosfera modificada foi o de acondicionamento individual dos frutos de manga em bandejas de acetato transparentes, recoberta com o filme de PVC esticável. O permanganato de potássio na forma utilizada neste estudo (sachê e impregnado em filme plástico) não interferiu nos resultados obtidos para a conservação dos frutos.


Descrição

Assunto

Mangifera indica L., pós-colheita, embalagem, refrigeração, Mangifera indica L., post-harvest, package, refrigeration

Citação

Coleções