Adubação do pimentão em solo orgânico álico do Vale do Ribeira (SP)

Resumo

A trial was carried out at the Experimental Station of Pariquera-Açu, State of São Paulo, Brazil, on an organic soil previously limed, to determine the influence of chemical fertilizers in addition to compost on the yield of pepper cv. Agronômico 10-G. Chemical fertilization consisted of 0-0-0, 180-320-240, 360-640-480 and 540-960-720kg/ha of N, P2O5 and K2O. Organic fertilization consisted of 20t/ha of compost (basically 90% straw). There was no advantage on the use of organic fertilization alone. Chemical fertilization increased yield, number and average weight of fruits. The highest yield of marketable pepper fruits (33.2t/ha) and the best economic returns were obtained at rates of 360-640-480kg/ha of N, P2O5 and K2O. Estudaram-se os efeitos de doses de fertilizantes químicos acrescidos de adubação orgânica (20t/ha de composto) na produtividade, número e peso de frutos (totais e comerciáveis) do pimentão cv. Agronômico 10-G. A adubação mineral constou de quantidades variáveis da fórmula 04-16-08, no plantio, e de coberturas com N e K. Quatro tratamento fornecendo, além do composto, 0-0-0, 180-320-240, 360-640-480 e 540-960-720kg/ha de N, P2O5 e K2O foram comparados a uma testemunha sem adubo, mineral ou orgânico. 0 experimento foi instalado na Estação Experimental de Pariquera-Açu, em solo orgânico álico, com calagem. Os resultados mostraram que a adubação orgânica, isoladamente, não apresentou efeito significativo, e a mineral proporcionou aumentos na produtividade, número e peso médio de frutos. A melhor produtividade comerciável (33,2t/ha) e o melhor lucro foram obtidos quando se utilizaram 360-640-480kg/ha de N, P2O5 e K2O respectivamente.


Descrição

Assunto

pimentão (Capsicum annuum L.), adubação, pepper, Capsicum annuum L., fertilization

Citação

Coleções