Características do resíduo de mineração de areia como componente de substratos para a produção de mudas de pupunheira (Bactris Gasipaes Kunth)

Resumo

The objective of this experiment was to evaluate the physical, chemical and biological characteristics of fine sand mining residue as a component of the substrate for production of peach palm seedlings. Thus, it was tested four substrate with the proportions of sand mining residue: carbonized rice husk (RA/CA): 1:0; 3:1; 1:1; 1:3, and compared to the control substrate: 3:1 (alic podzolic yellow latosol:buffalo manure). It was used a random block experimental design, with five replications, with 10 seedlings per plot. Peach palm seedlings were produced in 1.1-L containers in a protected environment. When seedlings were ready to be transplanted to the field, 210 days after the transplanting to bags, stem base diameter, seedlings height, number of leaves, dry mass of aerial part and root were measured. It was concluded that residue of sand mining can be used in the production system of peach palm as a component of the substrates for seedling production. Its maximum ratio must be 75% of the substrate volume, and it has to be always combined with other materials so that the dry density of the final composition is between 500 and 800 kg.m-3. O experimento foi realizado com o objetivo de avaliar as características físicas, químicas e biológica do resíduo fino de mineração de areia como componente de substratos para a produção de mudas de pupunheira. Para isso, foram testados quatro substratos com as proporções de resíduo de mineração de areia:casca de arroz carbonizada (RA:CA): 1:0; 3:1; 1:1; 1:3, e comparados ao substrato testemunha: 3:1 (Latossolo Amarelo Podzólico álico:esterco de búfalo curtido). Utilizou-se o delineamento experimental de blocos ao acaso, com cinco repetições, com 10 mudas por parcela. As mudas de pupunheira foram produzidas em recipiente com capacidade para 1,1L, em ambiente protegido. Quando as mudas encontravam-se prontas para o transplantio, 210 dias após a repicagem, foram determinados diâmetro do coleto, altura da haste, número de folhas, massa seca da parte aérea e radicular. Concluiu-se que o resíduo de mineração de areia pode ter uso no sistema produtivo da pupunheira como componente de substrato para produção de mudas. Sua proporção máxima deve ser de 75% do volume do substrato, sempre agregado a outros materiais para que a composição final apresente densidade seca entre 500 e 800 kg.m-3.


Descrição

Assunto

Palmito, Pupunha, Substrato, Heart of palm, Peach palm, Substrate

Citação

Coleções