Resistência de soja a insetos: IX. Amostragem para avaliação de dano de percevejo

Data

1987

Título da Revista

ISSN da Revista

Título de Volume

Editor

Resumo

Two ways of estimating the damage done by stink bugs to the soybean pods were compared: the direct counting of flat loculi (FL), which gives a percentage of damage and an index called Percentual Index of Pod Damage (PIPD). The PIPD is obtained by classifying the pods in three categories (flat, intermediate and sound) and applying the formula PIPD = 1/2 (percentage of intermediate pods) + percentage of flat pods. The FL and PIPD are highly correlated (r > 0.96). The use of the PIPD is recommended since it is easier to obtain. Three ways of sampling were compared: a) Twenty pods from five plants; b) Ten pods from ten plants; c) Five pods from twenty plants. It was demonstrated that it is more advantageous to use less pods per plant and more plants per plot. As avaliações de dano, na seleção de cultivares de soja resistentes ao percevejo, realizadas no Instituto Agronômico de Campinas, têm sido feitas pela produção de grãos, porcentagem de retenção foliar (PRF) e índice porcentual de dano de vagens (IPDV). Na aplicação do IPDV, têm sido utilizadas amostras da região mediana das plantas. Neste trabalho, procurou-se verificar o número de blocos, de plantas e de vagens por planta necessários para detectar, estatisticamente, diferenças de 10% entre médias de danos em dois genótipos de soja, um resistente e outro suscetível a percevejos. Para que diferenças dessa magnitude sejam significativas ao nível de 5%, deve-se utilizar um mínimo de quatro blocos, oito plantas por bloco e cinco vagens por planta.


Descrição

Assunto

soja, Glycine max (L.) Merrill, melhoramento genético, índice de dano, tamanho da amostra, percevejos, Pentatomidae, resistência, soybean, Glycine max (L.) Merrill, stink bugs, Pentatomidae, pod damage index, sampling, insect resistance, soybean breeding

Citação

Coleções