Avaliação da resistencia a ferrugem tropical em linhagens de milho

Resumo

Four hundred and forty maize inbred lines, developed at Instituto Agronômico de Campinas, State of São Paulo, Brazil, derived from several populations, were evaluated, in field conditions, as to tropical rust resistance caused by Physopella zeae. Twenty two experiments were carried out in randomized complete block designs, with two replications each, during 93/94 summer season, in Ribeirão Preto, State of Sao Paulo, Brazil. Resistant (Z 8568) and susceptible (P 3069) hybrids were used as controls. The evaluations were performed 30 days after flowering, according to a scale of notes from 1 to 9 (0%; 1%; 2.5%; 5%; 10%; 25%; 50%; 75% and >75% affected leaf area). All populations showed variability as to P. zeae reaction, suggesting that recurrent selection might be effective to achieve tropical rust resistance. Avaliaram-se 440 linhagens endogâmicas de milho do Instituto Agronômico de Campinas, obtidas a partir de diversas populações, quanto à severidade da ferrugem tropical, causada por Physopella zeae, em condições naturais de infecção. Foram instalados 22 experimentos em blocos ao acaso com duas repetições, em 1993/94, em Ribeirão Preto (SP) e utilizados como testemunhas resistente e suscetível os híbridos Z 8568 e P 3069 respectivamente, incluídos de forma intercalar. A avaliação foi realizada aos 30 dias após o florescimento, mediante uma escala de notas de 1 a 9, correspondendo a 0%; 1%; 2,5%; 5%; 10%; 25%; 50%; 75% e >75% de área foliar afetada. Todas as populações estudadas apresentaram variabilidade quanto à resistência a P. zeae, indicando que a utilização de métodos de seleção recorrente pode ser eficaz no melhoramento de populações visando à resistência ao patógeno.


Descrição

Assunto

milho, linhagens endogâmicas, ferrugem tropical, maize, inbred lines, tropical rust

Citação

Coleções