Effect of a low-dose oral contraceptive on venous endothelial function in healthy young women: preliminary results

Resumo

BACKGROUND: A possible increase in the incidence of venous thromboembolic events has been reported among users of third generation oral contraceptives. The objective of this study was to evaluate the effect of a low dose oral contraceptive (15 µg ethinyl estradiol/60 µg gestodene) on the venous endothelial function of healthy young women. METHODS: Prospective case control study using the dorsal hand vein technique. Venous endothelial function was evaluated at baseline and after 4 months in the oral contraceptive users group (11 women) and in a control group (9 women). After preconstriction of the vein with phenylephrine, dose-response curves for acetylcholine and sodium nitroprusside were constructed. RESULTS: In the contraceptive users group, a reduction occurred in the maximum venodilation response to acetylcholine and sodium nitroprusside after 4 months of oral contraceptive use, but this difference was not statistically significant (P > 0.05). No significant changes were detected in maximum venodilation responses to acetylcholine and sodium nitroprusside at the 4-month time point in the control group. CONCLUSION: This study found no significant impairment of endothelium-dependent or independent venodilation in healthy young women following oral contraceptive use. Further studies are necessary using the same methodology in a larger sample over a longer follow-up period. Um aumento no risco de tromboembolismo venoso têm sido descrito em usuárias de anticoncepcionais hormonais oral de terceira geração. OBJETIVO: Avaliar o efeito de um anticoncepcional combinado hormonal oral de baixa dose (15 µg etinil estradiol/60 µg gestodeno) na função endotelial venosa de mulheres jovens saudáveis. MÉTODOS: Realizou-se um estudo caso-controle prospectivo em vinte mulheres jovens saudáveis que foram avaliadas pela técnica da complascência venosa. A função endotelial venosa foi avaliada em um momento basal e após 4 meses no grupo das usuárias de anticoncepcional oral (11 mulheres) e em um grupo controle (9 mulheres). Foram construídas curvas dose resposta para acetilcolina e nitroprussiato de sódio após a pré-constrição da veia com fenilefrina. RESULTADOS: No grupo de usuárias de anticoncepcional combinado hormonal oral houve diminuição da venodilatação máxima em resposta a acetilcolina e nitroprussiato de sódio, porém esta mudança não foi estatisticamente significante (p> 0,05). No grupo controle não foram detectadas mudanças significantes na venodilatação máxima, em resposta a acetilcolina e nitroprussiato de sódio no intervalo de 4 meses. CONCLUSÃO: Este estudo não observou redução significante da venodilatação endotélio dependente e independente após os uso de anticoncepcional combinado hormonal oral. Mais estudos são necessários utilizando a mesma metodologia em uma amostra maior e com maior tempo de seguimento.


Descrição

Assunto

Anticoncepcional Combinado Hormonal Oral, Endotélio Venoso, Trombose Venosa, Oral contraceptives, Venous endothelium, Venous thrombosis

Citação

Coleções