Conservação refrigerada de cherimóia embalada em filme plástico com zeolite

Resumo

Fruits of cherimoya (Annona cherimola Mill.) cv. Fino of Jete were harvested from an orchard situated in Conceição dos Ouros - MG, Brazil, in March 2000. The purpose of this experiment was to evaluate the post harvest conservation of fruits packed with zeolite films. Fruits with better quality were selected and divided into two treatments: a) packed with polyethylene coextrused film with incorporation of a mineral called zeolit; b) control (without plastic film). The fruits were packed in cardboard boxes and cold-stored at 12 ± 1 ºC; 90%-95% of RH for four weeks in Instituto Agronômico, Campinas, Brazil. Mass loss of the fruits, external color, appearance, firmness, total soluble solids, total titrable acidity and ratio were evaluated during four weeks. It was noticed that control fruits start to show physical and chemical changes from the 2nd until the 3rd week. In the third week the control fruits were rather depreciated, while the zeolite treatment maintained almost unchanged the physical and chemical characteristics evaluated. It was concluded that fruits could be maintained under cold storage for two weeks, while the fruits packed with zeolite films could be stored for four weeks at 12±1 ºC and 90%-95% RH. Com o objetivo de avaliar a eficiência da embalagem plástica "zeolite" no retardamento da maturação de cherimóias, mantidas sob armazenamento refrigerado, colheram-se frutos de cherimóia (Annona cherimola Mill.), cv. Fino de Jete, de pomar comercial de Conceição dos Ouros (MG), no início de março de 2000. Selecionaram-se frutos de boa qualidade, os quais foram submetidos a dois tratamentos: a) embalados com filme de polietileno coextrusado com incorporação de mineral tipo zeólito (zeolite) e b) controle (sem filme plástico). Os frutos foram colocados em caixas de papelão e submetidos ao armazenamento refrigerado (12 ± 1 ºC; 90% a 95% de umidade relativa - UR) no Instituto Agronômico, em Campinas (SP). Avaliaram-se nos frutos: a perda de massa, a coloração externa, a aparência e a firmeza. Determinaram-se na polpa, o teor de sólidos solúveis totais (SST), o pH, o teor de acidez total titulável (ATT) e a relação SST/ATT, ao longo de quatro semanas. Observou-se que os frutos do controle começaram a apresentar alterações físicas e químicas a partir do intervalo entre a segunda e a terceira semana de avaliação, apresentando-se consideravelmente depreciados na terceira semana, enquanto o tratamento com "zeolite" proporcionou melhor conservação dos frutos, até a quarta e última avaliação, tanto no aspecto estético, quanto nos atributos internos. Concluiu-se que os frutos não embalados podem ser conservados até por duas semanas em câmara a 12 ºC e 90% a 95% de UR e os embalados em "zeolite", mantidos sob essa temperatura até por quatro semanas.


Descrição

Assunto

Annona cherimola, conservação refrigerada, filme plástico, cherimoya, cold storage, plastic films

Citação

Coleções