Influência do ambiente no rendimento e na qualidade de grãos de genótipos de trigo com irrigação por aspersão no Estado de São Paulo

Resumo

Environmental influence was evaluated in 20 wheat genotypes in relation to grain yield and quality, adaptability and disease reaction in regions where irrigation is necessary for good agronomical performance. The experiments were carried out at Tatuí, Votuporanga, Ribeirão Preto, and Mococa in the State of São Paulo, Brazil, during 1995-98. Genotypes were also evaluated for tolerance to aluminum toxicity in nutrient solutions and for industrial quality for bread production. The genotypes IAC 351, IAC 335, IAC 289 and Mochis presented high grain yield in Tatuí; IAC 289, TUI"S" and SERI*3/BUC in Votuporanga; and IAC 370 in Ribeirão Preto and Mococa. Under the ideal genotype concept the IAC 370 showed high grain yield capacity, was responsive to the environment improvement and sensitive to the unfavorable environment conditions. Among the diseases, leaf rust presented general occurrence, showing higher incidence in Tatuí. Anahuac, IAC 287, CAL/CHKW//VEE"S" and IAC 370 were the most susceptible to powdery mildew. The genotypes Anahuac, IAC 287, JCAM//EMU"S"/YACO"S", PFAU and IAC 339 were the most sensitive to aluminum toxicity. Anahuac, IAC 24, IAC 287, IAC 289, IAC 334, PFAU, TUI"S", IAC 339, IAC 370 and IAC 351 exhibited flour characteristics with good potential for bread production. Avaliaram-se a influência do ambiente em 20 genótipos de trigo, no rendimento e qualidade de grãos, a adaptabilidade e a reação a doenças, em regiões onde a irrigação se faz necessária para permitir o bom desempenho agronômico de um genótipo. Instalaram-se os experimentos em Tatuí, Votuporanga, Ribeirão Preto e Mococa, Estado de São Paulo, no período de 1995-98. Avaliaram-se, também, a tolerância dos genótipos ao alumínio tóxico em solução nutritiva e a qualidade industrial para panificação. Com bom rendimento de grãos destacaram-se: em Tatuí, os genótipos IAC 351, IAC 335, IAC 289 e Mochis; em Votuporanga, IAC 289, TUI"S" e SERI*3/BUC; em Ribeirão Preto e Mococa, o IAC 370. No conceito de genótipo ideal, o IAC 370 apresentou alta capacidade produtiva, foi responsivo à melhoria do ambiente e sensível às condições desfavoráveis do ambiente. Entre as doenças, a ferrugem-da-folha foi a de abrangência generalizada com maior incidência em Tatuí. Anahuac, IAC 287, CAL/CHKW//VEE"S" e IAC 370 foram os mais suscetíveis ao oídio. Os genótipos Anahuac, IAC 287, JCAM//EMU"S"/YACO"S", PFAU e IAC 339 foram os mais sensíveis à toxicidade por Al3+. Os genótipos Anahuac, IAC 24, IAC 287, IAC 289, IAC 334, PFAU, TUI"S", IAC 339, IAC 370 e IAC 351 apresentaram características de farinha com bom potencial para panificação.


Descrição

Assunto

trigo, rendimento de grãos, doenças, tolerância ao Al3+, adaptação ampla, característica tecnológica da farinha, wheat, grain yield, diseases, aluminum tolerance, high adaptation, flour technological characteristics

Citação

Coleções